Navegar em: Embarcações

Embarcações
0

 O construtor norte-americano aposta forte com o lançamento deste novo modelo com flybridge. O aspecto exterior é muito ao gosto de mercado europeu e, o 375 Fly é um forte concorrente com as principais marcas italianas e espanholas. Para Scott Nault, responsável pelas vendas “… as qualidades do 375 irão criar um novo conceito de barco…”. Pensamos que será um pouco exagerada esta ideia mas que o 375 possui argumentos, isso não temos dúvida.

Embarcações
0

 Com um desenho bem conseguido e muito amplo o Valiant V-520 é um barco muito atractivo, com boas performances e uma excelente opção tanto para o Verão e para o lazer, como para o resto do ano em trabalho, por exemplo nos clubes de vela.

Embarcações
0

 Assinado por Fulvio De Simoni, que diz “Creio na força da autenticidade como representação do luxo. A criação de um bom barco é mais do que um belo design. É também construir um barco que navegue bem! ”, o Muse 54 é isso mesmo. Um prazer para vista e uma emoção para os sentidos.

Embarcações
0

 A marca italiana Sessa foi fundada em 1958, tendo sido uma subsidiária de uma empresa de resinas. Hoje em dia este construtor solidamente implantado tem dois estaleiros, fabrica mais de 1.000 embarcações por ano, estando 70% da sua produção destinadas à exportação.

Embarcações
0

 A nova marca italiana Premiere Yachts apresenta o Premiere 51 nascido da colaboração entre a empresa mãe Class Yacht Italy (veleiros) e a Marine Team vocacionada mais para os barcos lagosteiros italianos. De linhas muito elegantes e clássicas que combinam com a aplicação da última tecnologia de forma a garantir o conforto, o estilo e a segurança.

Embarcações
0

 Com vinte anos de actividade, o estaleiro de Aveiro com base numa pequena estrutura familiar começou por construir modelos de vela ligeira, mas foi o modelo DC740 que deu o impulso para o mercado dos veleiros de cruzeiro. Este pequeno veleiro, com uma habitalidade e conforto interior fenomenais, já vendeu 40 unidades graças às oportunas alterações que sofreu para se manter actual e que se concretizou também numa derivação de regata com o modelo DC730. Em 1998 lançaram o DC1200 Regata com a obtenção de resultados muito interessantes em competição e, é com base no mesmo casco e mastreação, com o centro vélico e de deriva optimizados, que nasceu o projecto da versão cruzeiro-regata.

1 49 50 51 52 53 56